Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26773
Título: SMART: Sistema de Monitoramento e Avaliação do Programa Nacional Telessaúde Brasil Redes
Autor(es): Paiva, Jailton Carlos de
Palavras-chave: Telessaúde;Avaliação de Programa;Interoperabilidade;SOA;Inteligência de negócios
Data do documento: 20-Dez-2018
Referência: PAIVA, Jailton Carlos de. SMART: Sistema de Monitoramento e Avaliação do Programa Nacional Telessaúde Brasil Redes. 2018. 197f. Tese (Doutorado em Engenharia Elétrica e de Computação) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Abstract: The Telehealth Program was established by the Ministry of Health (MH) in 2007 with nine technical and scientific centers administered by public higher education institutions and, since its inception, no standards, processes, applications or quality indicators have been defined. The lack of these definitions, allied to the decentralization of the centers, made each one of them to develop their own Information Systems (IS), with different types of language and architectures, without any regulation and integration of information with the MH, hindering thus the evaluation of the program against the offered services . In this context, this paper describes a solution proposed to integrate the data produced by the various heterogeneous systems developed and maintained by the telehealth centers in Brazil in a central data store so that the MH can monitor and evaluate the results of the actions of Telehealth. This solution consists of specifying a National Interoperability Model and the specification, implementation and validation of an architecture, entitled SMART, based on Business Intelligence (BI) and Service Oriented Architecture (SOA) paradigms.SMART architecture consists of four main components: web tool for information manipulation with a interactive interface for data exploration; a component for receiving the data produced by the IS of the centers; a component responsible for saving the received data in decision support data and; a component that collects data from external sources to compose the data warehouse (DW). For the architecture validation, two experiments were performed. The first one executes performance tests under high and extreme workload and the second experiment evaluates if the proposed optimization strategies contribute to the performance and efficiency of the architecture. The results of the experiments were summarized to attest to the effectiveness of SMART. The analysis of the results obtained on real data showed that the performance of SMART remained stable over the considered workloads and the high quality was proven since no errors were recorded during the experiments.
Resumo: O Programa Telessaúde foi instituído pelo Ministério da Saúde (MS) em 2007 com nove Núcleos técnico-científicos administrados por instituições públicas de ensino superior e, desde a sua criação, não foram definidos padrões, processos, aplicações ou indicadores de qualidade. A ausência destas definições, aliada à descentralização dos Núcleos, fez com que cada um desenvolvesse seus próprios Sistemas de Informação (SI), com diferentes tipos de linguagem e arquiteturas, sem qualquer regulamentação e integração das informações com o MS, dificultando portanto, a avaliação do Programa frente aos serviços ofertados. Nesse contexto, este trabalho descreve a solução proposta para integrar os dados produzidos pelos diversos sistemas heterogêneos desenvolvidos e mantidos pelos núcleos de telessaúde no Brasil em um armazenamento de dados central de forma que o MS possa acompanhar, monitorar e avaliar os resultados das ações da Telessaúde. Essa solução consiste na especificação de um Modelo Nacional de Interoperabilidade e na especificação, implementação e validação de um arquitetura, intitulada SMART, a qual é baseada nos paradigmas de Business Intelligence (BI) e Arquitetura Orientada a Serviço (SOA). A arquitetura SMART consiste em quatro componentes principais: ferramenta web para manipulação da informação com interface interativa para exploração de dados; um componente para recepção dos dados produzidos pelos SI dos núcleos; um componente responsável por salvar os dados recebidos em dados de suporte à decisão e; um componente que coleta dados de fontes externas para compor o data warehouse (DW). Para validação da arquitetura, foram realizados dois experimentos, o primeiro realiza testes de desempenho sob carga de trabalho alta e extrema e o segundo avalia se as estratégias de otimizações propostas contribuem para o desempenho e eficiência da arquitetura. Os resultados dos experimentos foram resumidos de forma a atestar a eficácia do SMART. A análise dos resultados obtidos sobre dados reais demonstraram que o desempenho do SMART se manteve estável sobre as cargas de trabalho consideradas e a alta qualidade foi comprovada, visto que não foram registrados erros durante os experimentos.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26773
Aparece nas coleções:PPGEE - Doutorado em Engenharia Elétrica e de Computação

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
SMARTsistemamonitoramento_Paiva_2018TESE.pdf7,74 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.