Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/27029
Title: Caracterização do bioadsorvente produzido a partir da torta de mamona (Ricinus communis L.)
Other Titles: Characterization of the bioadsorvent produced from castor bean (Ricinus communis L.)
Authors: Ferreira, Lucélio Mendes
Keywords: Resíduos agroindustriais;Adsorção;Azul de metileno;Efluentes industriais
Issue Date: 4-Apr-2019
Citation: FERREIRA, Lucélio Mendes. Caracterização do bioadsorvente produzido a partir da torta de mamona (Ricinus communis L.) . 2019. 77f. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais) - Escola Agrícola de Jundiaí, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: A adsorção é uma das tecnologias mais empregadas na remoção de contaminantes de águas e, vem ganhando destaque. No tratamento de efluentes, a adsorção com carvão ativado (CA) apresenta-se como um método eficiente. A principal vantagem da produção de CA é o aproveitamento de resíduos que seriam descartados, muitas vezes, de forma inadequada. Neste contexto, o presente estudo visa o aproveitamento de resíduos agroindustriais (torta de mamona), na produção de carvão ativado com características adsortivas que, posteriormente, possa ser utilizado na aplicação de tratamento de efluentes industriais. Os carvões foram produzidos em diferentes concentrações de ativante, tempo e temperatura, a partir de torta de mamona, em seguida caracterizados quanto a análise química, termogravimétrica (TGA), rendimento, pH de carga zero (pHcz), mesoporosidade, superfície de Brunauer, Emmett e Teller (BET) e, microscopia eletrônica de varredura (MEV). Após a caracterização, foram realizados testes de adsorção de azul de metileno, visando avaliar a capacidade adsortiva dos mesmos e, os resultados aplicados nas equações de Langmuir e Freundlich para verificar o ajuste dos dados. A caracterização química da torta de mamona (TM) demonstrou que o material apresenta composição estrutural heterogênea, quanto aos seus componentes de celulose, hemicelulose e lignina. Na análise de TGA observou-se estabilidade térmica na decomposição e rendimento médio maior a 400 ºC, e pHcz dos carvões com amplas faixas de atuação do ácido ao básico, e desenvolvimento de mesoporos com boa capacidade adsortiva para CA a 800 ºC. A adsorção de N2 demonstrou CA com isotermas do tipo IV, apresentado imagens com aparências de colmeias na análise MEV. O melhor resultado apresentado no teste de adsorção foi observado no CA a 800°C, com 60 minutos e 40% do ácido fosfórico (H3PO4) e o modelo matemático que melhor se adequou foi a isoterma de Langmuir com correlação 0,99948, demonstrando que o tipo de absorção realizada foi de monocamadas.
Abstract: Contamination of a course is not always detectable. The adsorption is one of the most used technologies in the removal of contaminants of waters, has been gaining prominence. Without effluent treatment, adsorption with activated carbon (CA) is presented as an efficient and low cost method. The main advantage of the production of disposable waste is often inadequate. In this context, the study aims to obtain the consumption of agroindustrial residues (castor-bean) in the production of activated charcoal with adsorbent characteristics that can later be used in the application of an industrial effluent treatment. Coals have different types of activators, time and temperature, from castor bean cake. The yields were characterized by a chemical analysis, thermogravimetric (TGA), yield, zero load pH (pHcz), mesoporosity, Brunauer surface, Emmett and Teller (BET), scanning electron microscopy (SEM). After a characterization, adsorption tests of methylene blue were performed, aiming at adsorption capacity of the same, and the results applied in the Langmuir and Freundlich equations to verify the fit of the data as. The chemical characterization of the castor bean (TM) showed that the material presented a heterogeneous structural structure, with its components of cellulose, hemicellulose and lignin. The TGA analysis was stable during decomposition and increased at 400 °C, and pHcz of the coals with broad basal power ranges, and with the development of mesopores of good adsorptive capacity for CA at 800 °C. The adsorption of N2 showed CA with isotherms of type IV, images exhibited with appearances of analysis in the MEV. The best result was the adsorption test in CA 800°C with 60 minutes and 40% of phosphoric acid (H3PO4) and the mathematical model that best suited a Langmuir isotherm with a comedy of 0.99948, showing that the type of absorption was monolayers.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/27029
Appears in Collections:PPGCF - Mestrado em Ciências Florestais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Caracterizaçãobioadsorventeproduzido_Ferreira_2019.pdf2,47 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.