Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/12327
Título: É ensinando que se aprende: um estudo sobre o ensino de projeto no Curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (CAU UFRN)
Autor(es): Rodriguez, Virginia Laise da Silva
Palavras-chave: Ensino;Arquitetura;Projeto;Teaching;Architecture;Design
Data do documento: 12-Mar-2008
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: RODRIGUEZ, Virginia Laise da Silva. É ensinando que se aprende: um estudo sobre o ensino de projeto no Curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (CAU UFRN). 2008. 205 f. Dissertação (Mestrado em Conforto no Ambiente Construído; Forma Urbana e Habitação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2008.
Resumo: You cannot teach architectonic design, but only learn it. This sentence was, during some decades, especially during the modernism, the starting point, adopted by several architectonic design professors, when they had to approach their subject. An attitude that, some years ago, was reviewed and fighted by area s experts. This paper join this criticism, and try to add something to the pre-existing discussion, analyzing with the case-study method all the subjects related with architectonic design of the Architecture and Urbanism degree, at Universidade Federal do Rio Grande do Norte CAU/UFRN . The aim is to identify and analyze the teaching methodologies used by the professors and their effects related to the students. To reach this purpose four different methods were used: i) Professors interviews; ii) Different forms submitted to students and professors; iii) Daily practice s observation, developed during classes; iv) Documents analysis about the degree (historical development and subjects) and about the subjects themselves (summaries, table of contents and planning). Studying the results, it was possible to underline that, in spite of the efforts of some of the professors to find a way to teach with more appropriate educational and pedagogic bases, some of the teaching methodologies, criticized in articles dealing with the matter, were still used. With regard to these, the research pointed out some suggestions that could help to improve the teaching and learning process, joining professors and students that are the most important subjects of the teaching activity. Developing the idea living in the paper s title Teaching and learning , it s now clear that only the practice, through the improvement of the pedagogic techniques, together with critical analysis can help the professors to reach a relationship level, regarding the teaching and learning process, as that described in the epigraph s text, into which teaching and learning, can t be done only by one of the process subject, but must be lived by both of them: professors and students
metadata.dc.description.resumo: Projeto de arquitetura não se ensina, mas se aprende. Este afirmação foi, durante algumas décadas, especialmente durante o modernismo, o pressuposto adotado por diversos professores de Projeto de Arquitetura ao abordar a disciplina que "ensinavam . Uma postura que, há algumas décadas, passou a ser criticada e combatida por estudiosos da área. Unindo-se a esta crítica e buscando contribuir para a discussão pré-existente, este trabalho, através do estudo de caso das disciplinas de Projeto de Arquitetura do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte CAU/UFRN, buscou identificar e analisar, quais as práticas de ensino adotadas pelos docentes, o efeito delas sobre os aprendizes e as características do processo de ensino/aprendizagem estabelecido. Para tanto, foi realizado um estudo utilizando: i) entrevistas com os docentes; ii) aplicação de formulários a professores e estudantes; iii) observação da prática cotidiana desenvolvida em sala de aula; iv) análise de documentos sobre o curso (histórico, formulação do currículo) e sobre as disciplinas (ementas, conteúdos, planos de curso). A partir dos resultados, foi possível evidenciar que, apesar do esforço de alguns dos docentes em buscar um ensino com bases didático-pedagógicas mais adequadas, algumas das práticas criticadas, em publicações sobre o assunto, ainda não foram superadas. A respeito destas, o estudo indicou algumas recomendações que poderiam contribuir para o aperfeiçoamento do processo de ensino/aprendizagem, envolvendo os principais sujeitos desta atividade: mestres e aprendizes. Partindo do pressuposto presente no título do trabalho É ensinando que se aprende. acredita-se que apenas na prática, por meio de aperfeiçoamento das bases pedagógicas, e utilizando a capacidade crítica é possível alcançar um nível de relacionamento dentro do processo de ensino/aprendizagem como o descrito no texto da epígrafe, no qual ensinar e aprender não são ações de apenas um dos agentes do processo, mas devem ser vivenciadas por ambos (mestre e aprendizes)
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/12327
Aparece nas coleções:PPGAU - Mestrado em Arquitetura e Urbanismo

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
EnsinandoAprendeEstudo_Rodriguez_2008.pdf665,91 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.