Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13427
Title: Prevalência e fatores associados à dor em bailarinos profissionais
Authors: Dore, Bianca Fontes
Keywords: Dor;Dança;Dor lombar;Pain;Lumbar pain;Dance
Issue Date: 30-Nov-2006
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: DORE, Bianca Fontes. Prevalência e fatores associados à dor em bailarinos profissionais. 2006. 88 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2006.
Portuguese Abstract: Investigar a prevalência e fatores associados à sintomatologia dolorosa em bailarinos profissionais. Métodos: Foi realizado um estudo analítico de corte transversal em 141 bailarinos profissionais atuantes nas principais capitais do nordeste brasileiro. Para avaliação da sintomatologia dolorosa foram utilizadas versões validadas para o português do Protocolo de McGill e do Inventário para Dor de Wisconsin. Para análise estatistica dos resultados se realizou uma análise descritiva, seguida dos testes T-Student e o de correlação de Pearson, conciderando-se um valor de p< 0,05. Resultados: Observou-se níveis elevados de tolerância à dor em 70,2% dos sujeitos, onde a intensidade variou de moderada à severa. A dor na região lombar esteve presente em 85,8% dos entrevistados. Foram verificadas correlações positivas entre o grau de intensidade de dor com atividades como dançar (60,3%), atividades gerais (32,6%), dormir (28,4%), humor (27,7%), marcha (20,6%) e relacionamento pessoal (16,3%). Conclusões: Constatou-se uma elevada prevalência de dor em bailarinos profissionais atuantes das principais capitais do nordeste, onde a região mais acometida foi a lombar, seguida dos joehos, pescoço, quadris e pés, observando grande interferência da sintomatologia dolorosa em diversas atividades da vida pessoal e laboral deste contingente
Abstract: To investigate the prevalence and factors associated to painful symptomatology in professional ballet dancers. Methodos: An analytical transversal cut study was performed with 141 professional ballet dancers in the main capital cities of the Brazilian Northeast. McGill`s Pain Questionnaire and the Wisconsin Brief Pain Inventory, both validated for Portuguese, were used to assess painful symptomatology. Descriptive statistical analysis of the results was carried out, followed by Student`s t-test and Pearson s correlation with pvalue < 0.05. Results: High pain tolerance levels were observed in 70.2% of the subjects, where the intensity varied from moderate to severe. Pain in the lumbar region was present in 85.8% of the individuals. Positive correlations were verified between the degree of pain intensity and activities how to dance (60,3%), general activities (32,6%), sleep (28,4%), mood (27,7%), march (20,6%) and relations with others (16,3%). Conclusions: High pain prevalence was found in professional ballet dancers in the main capital cities of the northeast, and the most affected area was the lumbar followed by knees, neck, hip and feet, with substantial interference of pain symptoms in several activities of the personal and professional lives of these people
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13427
Appears in Collections:PPGCSA - Mestrado em Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PrevalênciaFatoresAssociados_Dore_2006.pdf275.92 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.