Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13507
Título: Desenvolvimento e validação de método analítico para determinação de diferentes guanilhidrazonas
Autor(es): Brito, Wanessa Azevedo de
Palavras-chave: Guanilhidrazonas. CLAE/DAD. CLUE/DAD. Validação de método analítico;Guanylhydrazones. HPLC/DAD. UFLC/DAD. Validation of analitical method
Data do documento: 26-Mar-2014
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: BRITO, Wanessa Azevedo de. Desenvolvimento e validação de método analítico para determinação de diferentes guanilhidrazonas. 2014. 101 f. Dissertação (Mestrado em Bioanálises e Medicamentos) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2014.
Resumo: The synthetic guanylhydrazones WE010 (3,5-di-tert-butil-4-hidroxibenzaldehyde-guanylhydrazone), WE014 (4-bifenilcarboxialdehydeguanylhydrazone) and WE017 (3,4-diclorobenzaldehydeguanylhydrazone) showed high cytotoxic activity in terms of percentage inhibition of cancer cells growth. However, further progress in the development of these drug candidates requires precise and convenient methods for their qualitative and quantitative analyses. The aim of this study was to develop and validate High Performance Liquid Chromatography with diode-array detection (HPLC-DAD) and Ultra Fast Liquid Chromatography with diode-array detection (UFLC-DAD) methods suitable for as simultaneous as isolated determination of studied guanylhydrazones, based on the optimization of chromatographic parameters and obtaining reduced detection times. The chromatographic analyses of analytes by HPLC were performed on C18 ACE analytical column (150 mm x 4.6 mm), with a particle size of 5.0 μm. Among all the conditions assayed, the best results of separation were obtained with a mixture of methanol:water (60:40, v/v) as the mobile phase at a flow rate 1.5mL/min and pH of 3.5 adjusted at acetic acid. The UFLC method was developed by experimetal desing techniques in order to find optimal chromatographic analytical conditions, which were achieved on XR-ODS analytical column (50 mm x 3.0 mm), with a particle size of 2,2 μm, maintained at 25 ºC. The mobile phase was consisted of methanol:water (65:35, v/v) with 0.1% triethylamine (TEA) and pH of 3.5 adjusted at acetic acid, at a flow rate 0.5 mL/min. The procedure were validated following evaluating parameters such as specificity, linearity, limits of detection (LD) and quantification (LQ), precision, accuracy and robustness, giving results within the acceptable range. Although the UFLC method shows better sensitivity (lower values of LD and LQ), robustness (lower rates of relative standard deviation) and minimize spending time and solvent, both developed methods were adequately applied to the analysis of guanylhydrazones molecules, may be used in routine of quality control laboratories. Keywords: guanylhydrazones, HPLC/DAD, UFLC/DAD, validation of analitical method
metadata.dc.description.resumo: As guanilhidrazonas sintéticas WE010 (3,5-di-tert-butil-4-hidroxibenzaldeÍdo-guanilhidrazona), WE014 (4-bifenilcarboxialdeídoguanilhidrazona) e WE017 (3,4-diclorobenzaldeídoguanilhidrazona) apresentaram alta atividade citotóxica em relação a inibição do crescimento de células cancerígenas. Contudo, o avanço no desenvolvimento desses candidatos a fármacos necessitam de métodos precisos para suas adequadas análises quantitativas e qualitativas. O objetivo desse estudo foi desenvolver e validar métodos por Cromatografia Líquida de Alta Eficiêcia com Detector de Arranjo Diodo (CLAE-DAD) e Cromatografia Líquida de Ultra Eficiêcia com Detector de Arranjo Diodo (CLUE-DAD) adequados para a determinação simultânea, bem como isolada das guanilhidrazonas em estudo, baseado na otimização de parâmetros cromatográficos e obtenção de tempos reduzidos de detecção. As análises cromatográficas por CLAE foram realizadas numa coluna analítica C18 ACE (150 mm x 4,6 mm), com tamanho de partícula de 5,0 μm. Dentre as condições analisadas, os melhores resultados de separação foram obtidos com uma fase móvel composta por metanol:água (60:40), em um fluxo de 1,5 mL/min. e um pH de 3,5 ajustado com ácido acético. O método por CLUE foi desenvolvido a partir de técnicas de planejamento fatorial, com o objetivo de se encontrar as melhores condições analíticas, que foram obtidas a partir de análise em uma coluna XR-ODS (50 mm x 3,0 mm), com tamanho de partícula de 2,2 μm, mantida a 25 ºC. A fase móvel foi constituída por metanol:água (65:35) com 0,1% de Trietilamina (TEA) e pH de 3,5 ajustado com ácido acético. Os procedimentos foram validados a partir da avaliação de parâmetros de especificidade, linearidade, limites de detecção (LD) e quantificação (LQ), precisão exatidão e robustez, obtendo-se resultados dentro do intervalo aceitável. Embora o método por CLUE tenha mostrado melhor sensibilidade (menores valores de LD e LQ), robustez (menores índices de desvio padrão relativo) e minimizado gastos de tempo e solvente, ambos os métodos desenvolvidos foram adequadamente aptos para as análises das moléculas de guanilhidrazonas, podendo ser utilizados na rotina de laboratórios de controle de qualidade
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13507
Aparece nas coleções:PPGCF - Mestrado em Ciências Farmacêuticas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
WanessaAB_DISSERT.pdf3,71 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.