Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14029
Título: Determinantes locais da decomposição foliar e de raízes finas em um ecossistema semiárido do nordeste brasileiro
Autor(es): Costa, Uirande Oliveira
Palavras-chave: Caatinga;Controladores locais da decomposição;Litterbags;Taxas de decomposição;Caatinga;Decomposition local controllers;Litterbags;Decomposition rates
Data do documento: 22-Fev-2012
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: COSTA, Uirande Oliveira. Determinantes locais da decomposição foliar e de raízes finas em um ecossistema semiárido do nordeste brasileiro. 2012. 49 f. Dissertação (Mestrado em Bioecologia Aquática) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2012.
Resumo: The decomposition process exercises an extensive control over the carbon cycle, affecting its availability and nutrient cycling in terrestrial ecosystems. The understanding of leaf decomposition patterns above the soil and fine roots decomposition below the soil is necessary and essential to identify and quantify more accurately the flow of energy and matter in forest systems. There is still a lack of studies and a large gap in the knowledge about what environmental variables act as local determinants over decomposition drivers. The knowledge about the decomposition process is still immature for Brazilian semiarid region. The aim of this study was to analyze the decomposition process (on leaves and fine roots) of a mixture of three native species for 12 months in a semiarid ecosystem in Northeast Brazil. We also examined whether the rate of decomposition can be explained by local environmental factors, specifically plant species richness, plant density and biomass, soil macro-arthropods species richness and abundance, amount of litterfall and fine root stock. Thirty sampling points were randomly distributed within an area of 2000 m x 500 m. To determine the decomposition rate, the litterbag technique was used and the data analysis were made with multiple regressions. There was a high degradation of dead organic matter along the experiment. Above ground plant biomass was the only environmental local factor significantly related to leaf decomposition. The density of vegetation and litter production were positively and negatively related to decay rates of fine roots, respectively. The results suggest that Caatinga spatial heterogeneity may exert strong influences over the decomposition process, taking into account the action of environmental factors related to organic matter exposure of and the consequent action of solar radiation as the decomposition process main controller in this region
metadata.dc.description.resumo: A decomposição exerce um amplo controle sobre o ciclo do carbono, disponibilidade e ciclagem de nutrientes nos ecossistemas terrestres. A compreensão sobre os padrões de decomposição foliar acima do solo e das raízes finas abaixo do solo é necessária e essencial para identificar e quantificar com mais precisão os fluxos de energia e matéria nos sistemas florestais. Ainda há carência de estudos e uma grande lacuna no conhecimento sobre quais variáveis ambientais atuam como determinantes locais sobre os controladores da decomposicão. O conhecimento sobre o processo de decomposição ainda é incipiente para o semiárido brasileiro. O objetivo do presente estudo foi analisar o processo de decomposição (folhas e raízes), de uma mistura de três espécies nativas durante 12 meses em um ecossistema semiárido do Nordeste Brasileiro. Também foi analisado se a taxa de decomposição pode ser explicada por fatores ambientais locais, especificamente riqueza de espécies, densidade e biomassa aérea vegetal, riqueza de espécies e abundância de macro-artrópodes do solo, produção de serrapilheira e estoque de raízes finas. Trinta pontos amostrais foram distribuídos aleatoriamente dentro uma área de 2000 m x 500 m. Para determinação das taxas de decomposição foi utilizada a técnica de bolsas de serapilheira (litterbags) e para as análises dos dados foram utilizadas regressões múltiplas. Houve uma alta degradação da matéria orgânica morta. A biomassa aérea vegetal foi o único fator ambiental local significativamente relacionado à decomposição foliar. A densidade da vegetação e a produção da serrapilheira foram, respectivamente, positiva e negativa significativamente relacionadas com as taxas de decaimento de raízes finas. Os resultados sugerem que a heterogeneidade espacial da Caatinga pode exercer fortes influências no processo de decomposição, tendo em vista a atuação de fatores ambientais relacionados à exposição da matéria orgânica e a consequente atuação da radiação solar como controlador do processo de decomposição nessa região
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14029
Aparece nas coleções:PPGE - Mestrado em Ecologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
UirandeOC_DISSERT.pdf1,2 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.