Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14039
Título: Efeitos de florações de cianobactérias sobre os cladóceros ceriodaphnia dubia e daphnia gessneri
Título(s) alternativo(s): Effects of cyanobacterial blooms on the cladocerans ceriodaphnia dubia and daphnia gessneri
Autor(es): Silva, Leide Amara Pereira da
Palavras-chave: Cladóceros. Cianobactérias. Cianotoxinas. Taxa de crescimento populacional. Parâmetros reprodutivos. Paralisia dos movimentos. Ensaios de toxicidade crônica;Cladocerans. Cyanobacteria. Cyanotoxins. Population growth rate. Reproductive parameters. Paralysis of movements. Chronic toxicity bioassays
Data do documento: 25-Set-2012
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: SILVA, Leide Amara Pereira da. Effects of cyanobacterial blooms on the cladocerans ceriodaphnia dubia and daphnia gessneri. 2012. 53 f. Dissertação (Mestrado em Bioecologia Aquática) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2012.
Resumo: Cyanobacterial blooms are common in eutrophic reservoirs in Brazilian northeastern semi-arid. Given this reality, the present study aimed to analyze the effect of potentially toxic cyanobacterial blooms in Gargalheiras reservoir (semi-arid) on the cladocerans Ceriodaphnia dubia and Daphnia gessneri. In vitro chronic bioassays were performed with reservoir water dilutions from August/2011 to May/2012 and the following effects were evaluated on: intrinsic rate of population growth (r), reproductive parameters (age of first reproduction and fecundity per capita) and cladocerans movements. Phytoplankton was dominated by Cylindrospermopsis raciborskii and Planktothrix agardhii and saxitoxin and microcystin were detected in reservoir water. In most months C. dubia showed differences in r between control (absence of cyanobacteria) and treatments, and has shown negative effects on reproductive parameters. In all months paralysis of swimming movements was observed in C. dubia when both C. raciborskii and saxitoxin (cyanotoxin neurotoxic) were present in water. While C. dubia was sensitive to the reservoir water containing cyanobacteria, D. gessneri showed less intense negative effects in r and reproductive parameters. Furthermore, D. gessneri showed no paralysis of swimming movements. These results support the hypothesis in the literature that D. gessneri is resistant to the Cylindrospermopsis effects. The clone‟s life history may be a key to understand the results. The C. dubia clone, isolated from eutrophicated environment, is in the lab for ten years and it is an exotic species in Brazil. D. gessneri is a common species in the country and this clone was isolated from the Gargalheiras reservoir (where there are constant blooms of potentially toxic cyanobacteria) a year ago. Perhaps the recent contact with cyanobacteria explain the higher resistance presented by this D. gessneri clone. In conclusion, the cladocerans studied have different levels of sensitivity to cyanobacteria, characterizing species-specific responses
metadata.dc.description.resumo: Florações de cianobactéras são frequentes em reservatórios eutróficos do semi-árido do nordeste brasileiro. Diante dessa realidade o presente trabalho objetivou analisar o efeito de florações de cianobactérias potencialmente tóxicas do reservatório Gargalheiras (semi-árido brasileiro) sobre os cladóceros Ceriodaphnia dubia e Daphnia gessneri. Foram realizados ensaios crônicos in vitro com diluições de água do reservatório de agosto/2011 a maio/2012 e foram avaliados efeitos sobre: taxa intrínseca de crescimento populacional (r), parâmetros reprodutivos (idade da primeira reprodução e fecundidade per capita) e movimentação dos cladóceros. O fitoplâncton foi dominado por Cylindrospermopsis raciborskii e Planktothrix agardhii e houve detecção de saxitoxina e microcistina na água do reservatório. Na maioria dos meses C. dubia apresentou diferença em r entre controle (ausência de cianobactérias) e tratamentos, além de ter apresentado efeitos negativos nos parâmetros reprodutivos. Observou-se ainda um efeito de paralisia dos movimentos natatórios de C. dubia em todos os meses, concomitante à presença de C. raciborskii e saxitoxina (cianotoxina neurotóxica) na água. Enquanto C. dubia apresentou-se sensível à água do reservatório contendo cianobactérias, D. gessneri apresentou efeitos negativos menos intensos em r e nos parâmetros reprodutivos. Além disso, esta espécie não teve os movimentos paralisados. Esses resultados apoiam a hipótese levantada na literatura de que D. gessneri apresenta resistência aos efeitos da Cylindrospermopsis. A história de vida dos clones pode ser uma chave para compreensão dos resultados. O clone de C. dubia, isolado de ambiente eutrofizado, está em laboratório há dez anos e essa é uma espécie exótica no Brasil. D. gessneri é uma espécie comum no país e este clone foi isolado há um ano do reservatório Gargalheiras, onde há constantes florações de cianobactérias potencialmente tóxicas. A hipótese mais provável é que o contato recente deste clone de D. gessneri com cianobactérias tenha lhe conferido maior resistência. Conclui-se que os cladóceros estudados apresentam diferentes níveis de sensibilidade às cianobactérias, caracterizando respostas espécie-específicas
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14039
Aparece nas coleções:PPGE - Mestrado em Ecologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LeideAPS_DISSERT.pdf963,61 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.