Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14111
Título: O jornal televisivo e o ensino/aprendizagem integrado de português língua materna e francês língua estrangeira
Autor(es): Damasceno, Chrisnir Freire
Palavras-chave: Jornal televisivo;Ensino /aprendizagem;Língua Portuguesa;Língua Francesa;Le Journal télévisé;L enseignement/apprentissage;Langue Portugaise;Langue Française
Data do documento: 31-Mar-2005
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: DAMASCENO, Chrisnir Freire. O jornal televisivo e o ensino/aprendizagem integrado de português língua materna e francês língua estrangeira. 2005. 248 f. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2005.
Resumo: Pour beaucoup de chercheurs, il y a une crise à l école et dans l enseignement/apprentissage des langues qui est provoquée par un enseignement cloisonné et décontextualisé de la réalité. Dans ce type d enseignement/apprentissage, le livre scolaire a une présence si hégémonique qu il est la source quasi exclusive du discours pédagogique et on ne fait que très rarement usage des langages du quotidien des apprenants. Le langage télévisuel est un de ces langages qui pourraient être utilisé pour ciliter enseignement/apprentissage d une langue vivante, variée et en situation, car il permet l exploration de tous les composants de la compétence de communication. En même temps, ce langage pourrait servir à sensibiliser les apprenants à une éducation aux médias. Le journal télévisé peut favoriser un enseignement/apprentissage intégré de la langue maternelle et de la langue étrangère, grâce à son format, similaire dans plusieurs cultures, et à son importance en tant que reflet des valeurs socioculturels des sociétés. Ces qualités sont très favorables pour stimuler le transfert des compétences entre la langue maternelle et la langue étrangère, pour qu on puisse enseigner et apprendre une langue, et connaître une culture. Le journal télévisé est vu comme une source d information et son analyse en classe peut contribuer à la formation d un apprenent/citoyen actualisé, critique et conscient des problèmes et des répresentations des sociétés
metadata.dc.description.resumo: Para muitos pesquisadores, existe uma crise na escola e no ensino de línguas, que é gerada por um ensino/aprendizagem compartimentado e descontextualizado da realidade. Neste ensino/aprendizagem, o livro didático tem uma presença tão hegemônica que se constitui na fonte quase exclusiva do discurso pedagógico e quase não são exploradas outras linguagens do cotidiano dos aprendentes. A linguagem televisiva é uma destas linguagens que poderia ser trabalhada para proporcionar um ensino/aprendizagem de uma língua viva, variada e em situação, pois ela permite que se explore todos os componentes da competência de comunicação. Além disso, ela serviria para sensibilizar os aprendentes para uma educação para a mídia . O jornal televisivo pode favorecer um ensino/aprendizagem integrado do PLM e do FLE pela sua forma recorrente, e por refletir os valores socioculturais das sociedades. Estas qualidades são propícias para a transferência de competências entre a língua materna e a língua estrangeira, para se ensinar e aprender uma língua, e para se conhecer uma cultura. O jornal televisivo é visto como uma fonte de informação e sua observação em sala de aula pode contribuir para a formação de um aluno/cidadão atualizado, crítico e consciente dos problemas e das representações das sociedades
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14111
Aparece nas coleções:PPGED - Doutorado em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ChrisnirFD.pdf750,61 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.