Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14754
Título: Abordagens pedagógicas na formação de enfermeiros : compreensão de docentes de enfermagem
Autor(es): Mesquita, Simone Karine da Costa
Palavras-chave: ensino;formação de enfermeiro;abordagens pedagógicas;teaching;nursing education;pedagogical approaches
Data do documento: 20-Abr-2012
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: MESQUITA, Simone Karine da Costa. Abordagens pedagógicas na formação de enfermeiros : compreensão de docentes de enfermagem. 2012. 120 f. Dissertação (Mestrado em Assistência à Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2012.
Resumo: In the new world order is notorious changes in social, ethical, economical and political aspects in the society, which reach incisively higher education, requiring a number of modifications and a new vision in nursing education, in order to meet the demands of the Unique Health System. Thus, the Higher Education Institutes (HEI) and teachers are invited to face new challenges and reflect on their practices, using pedagogical approaches and innovative methodologies to meet the requirements of a globalized society. This study has as an objective to analyze the perspective of teachers in what concern the pedagogical approaches used in nursing education and to identify pedagogical approaches utilized by teachers in nursing education. This is a field research of exploratory kind, descriptive, of quantitative approach. The search was conducted at the Department of Nursing of the Federal University of Rio Grande do Norte UFRN, based in the city of Natal. The population consisted of forty-six teachers. From this population was selected a sample of twenty teachers. Data collection occurred from August to September 2011, through the utilization of the technique of interview and questionnaire. The obtained data were analyzed in two moments. In the first moment, was carried out the quantitative analysis that refers to the obtained data through the interview technique, methodological procedures were submitted to the content analysis proposed by Bardin. On the second moment, concerning the quantitative analysis of the questionnaires applied to the teachers and of the identification data, which were digitized and transferred to a spreadsheet electronic of Microsoft Excel XP, tabulated and organized into tables, containing their relative and absolute frequencies. It is worth mentioning that were respected the aspects of the CNS Resolution 196/96. With regard to the characteristics of research participants, 20% were male; with a degree of titration of 55% doctorates; regarding time of service there was a greater representation from 15 to 45 years, with 45%. The results showed that 90% of teachers who participated in the research have an appropriate understanding of non-critical pedagogical approaches, only 10% had an inadequate understanding. However, 70% of teachers, despite having an adequate understanding, reported difficulties when attempting to implement these pedagogies. Most teachers, with representability of 80% consider the non-critical pedagogies relevant in nursing education, as well as critical pedagogies, being represented by 95% of teachers. It was concluded that both critical and non-critical pedagogies are in teachers practice of undergraduate nursing education. It feels like a moment of transition, since the presence of new ways of teaching as a part of this educational context, with educational models that give value to scientific, ethical and personal aspects in the educational process. The research contains limitations, however highlights the contribution of new possibilities for action, reflection on the context of performance, maximizing the pedagogical skills necessary to conduct teaching process, in line with the new educational paradigm of higher education
metadata.dc.description.resumo: No mundo hodierno são notórias as mudanças nos aspectos social, ético, econômico e político na sociedade, as quais atingem de modo incisivo, o ensino superior, exigindo uma série de modificações e uma nova visão na formação de enfermeiros, a fim de atender as demandas do Sistema Único de Saúde. Diante disso, as instituições formadoras e os docentes são convidados a enfrentar os novos desafios e refletir sobre suas práticas, a fim de favorecer uma maior flexibilidade e capacidade de articulação, utilizando abordagens pedagógicas e metodologias inovadoras, para fazer frente às exigências de uma sociedade globalizada. O presente estudo tem como objetivo analisar a perspectiva do docente no que concernem as abordagens pedagógicas utilizadas na formação de enfermeiros e identificar as abordagens pedagógicas empregadas por docentes na formação de enfermeiros. Trata-se de uma pesquisa de campo do tipo exploratória, de abordagem quantitativa. A pesquisa foi realizada no Departamento de Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Norte UFRN, sediada na cidade de Natal, no estado do Rio Grande do Norte. A população foi composta por cinquenta e três docentes. Desta população, foi selecionada uma amostra de vinte docentes que atuam na referida Instituição. A coleta de dados ocorreu no período de agosto a setembro de 2011, através da técnica de entrevista semi-estruturada e da utilização de um questionário. Os dados obtidos serão analisados individualmente, em dois momentos: No primeiro momento, a análise quantitativa referente aos dados obtidos por meio da técnica de entrevista, os quais foram submetidos aos procedimentos metodológicos da análise de conteúdo proposta por Bardin. No segundo momento, análise quantitativa dos dados quantitativos coletados resultantes dos questionários aplicados aos docentes e dos dados de identificação dos participantes, os quais foram transferidos para uma planilha eletrônica do Microsoft Excel XP, com tabulação e organização em tabelas dos dados, contendo suas frequências relativas e absolutas. Vale salientar, que foram respeitados os aspectos presentes na Resolução CNS 196/96, a qual refere os aspectos éticos e legais da pesquisa envolvendo seres humanos. Os resultados mostram que 90% dos docentes participantes da pesquisa apresentam uma compreensão adequada das abordagens pedagógicas não críticas, apenas 10% tinham um entendimento inadequado. Com relação às pedagogias críticas, 80% dos participantes da pesquisa referiram uma compreensão adequada. Porém, 70% dos docentes, apesar de terem uma compreensão adequada, relataram dificuldades durante a tentativa de implementação destas pedagogias. A maioria dos docentes, como representabilidade de 80%, consideram as pedagogias não críticas relevantes na formação do enfermeiro, como também as pedagogias críticas, sendo representada por 95% dos docentes. Com relação às características dos participantes da pesquisa, 20% eram representantes do sexo masculino; com grau de titulação de 55% com doutorado; referente ao tempo de serviço houve uma maior representatividade entre 15 a 45 anos, com 45%. Contudo, com vista a identificar as abordagens pedagógicas que norteiam suas práticas docentes na formação de enfermeiros da UFRN, revelou que tanto as pedagogias críticas, quanto e as pedagogias não críticas estão presentes na prática de docentes da graduação em enfermagem. Isso reflete um momento de transição, visto que a presença das novas formas de ensinar já faz parte deste contexto educativo. Por fim, cabe ressaltar, a importância compreender sobre modelos educacionais que valorizam os aspectos científicos, éticos, pessoais no processo educativo. A pesquisa tem a pretensão de proporcionar aos docentes a contribuição de novas possibilidades de ação no sentido de refletir sobre o contexto de atuação, com competências pedagógicas necessárias para conduzir o processo de ensino, em consonância com o novo paradigma pedagógico do ensino superior
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14754
Aparece nas coleções:PPGE - Mestrado em Enfermagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
SimoneKCM_DISSERT.pdf2,5 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.