Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/18837
Título: Caracterização de reservatórios siliciclásticos neoaptianos: um estudo do membro carmópolis no campo de Camorim, sub-bacia de Sergipe, Brasil
Autor(es): Lira, Filipe Silva
Palavras-chave: Estratigrafia de sequências. Caracterização de reservatórios. Mapas de isócoras. Mapas de distribuição de fácies;Sequence stratigraphy. Reservoir characterization. Isochores maps. Facies maps
Data do documento: 27-Jun-2013
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: LIRA, Filipe Silva. Caracterização de reservatórios siliciclásticos neoaptianos: um estudo do membro carmópolis no campo de Camorim, sub-bacia de Sergipe, Brasil. 2013. 58 f. Dissertação (Mestrado em Geodinâmica; Geofísica) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.
Resumo: The Camorim Oilfield, discovered in 1970 in the shallow water domain of the Sergipe Sub-basin, produces hydrocarbons from the Carmópolis Member of the Muribeca Formation, the main reservoir interval, interpreted as siliciclastics deposited in an alluvial-fluvial-deltaic context during a late rifting phase of Neoaptian age, in the Sergipe-Alagoas Basin. The structural setting of the field defines different production blocks, being associated to the evolution of the Atalaia High during the rift stage and subsequent reactivations, encompassing NE-SW trending major normal faults and NWEW trending secondary faults. The complexity of this field is related to the strong facies variation due to the interaction between continental and coastal depositional environments, coupled with strata juxtaposition along fault blocks. This study aims to geologically characterize its reservoirs, to provide new insights to well drilling locations in order to increase the recovery factor of the field. Facies analysis based on drill cores and geophysical logs and the 3D interpretation of a seismic volume, provide a high resolution stratigraphic analysis approach to be applied in this geodynamic transitional context between the rift and drift evolutionary stages of the basin. The objective was to define spatial and time relations between production zones and the preferential directions of fluid flow, using isochore maps that represent the external geometry of the deposits and facies distribution maps to characterize the internal heterogeneities of these intervals, identified in a 4th order stratigraphic zoning. This work methodology, integrated in a 3D geological modelling process, will help to optimize well drilling and hydrocarbons production. This methodology may be applied in other reservoirs in tectonic and depositional contexts similar to the one observed at Camorim, for example, the oil fields in the Aracaju High, Sergipe Sub-basin, which together represent the largest volume of oil in place in onshore Brazilian basins
metadata.dc.description.resumo: O Campo de Camorim, descoberto em 1970 na porção de águas rasas da Subbacia de Sergipe, produz hidrocarbonetos do Membro Carmópolis/Formação Muribeca, principal intervalo reservatório, interpretado como siliciclásticos depositados em um contexto alúvio-flúvio-deltaico na fase tardia do rifteamento da Bacia Sergipe-Alagoas, Neoaptiano. O arcabouço estrutural, que subdivide o campo em blocos produtores, está associado à evolução do Alto de Atalaia durante a fase rifte e reativações posteriores, apresentando falhas normais principais de direção NE-SW e falhas secundárias de direções NW-SE e E-W. A complexidade do campo está ligada à intensa variação faciológica, resultante da interação entre os ambientes deposicionais continentais e costeiros, e a justaposição dos estratos associada à evolução estrutural. Este trabalho tem como objetivo a caracterização geológica dos reservatórios para dar subsídios às novas perfurações de poços destinados a aumentar o fator de recuperação do campo. Deste modo, a partir da análise faciológica realizada em testemunhos e perfis geofísicos, em conjunto com a interpretação do volume sísmico 3D, propõe-se uma metodologia que se baseia na análise estratigráfica de alta resolução, aplicada em um contexto geodinâmico transicional entre os estágios rifte e drifte de evolução da bacia, capaz de determinar as relações espaciais e temporais das zonas produtoras e as direções preferenciais do fluxo de fluidos, empregando para este fim, mapas de isócoras que representam a geometria externa, e mapas de distribuição de fácies para as heterogeneidades internas destes intervalos identificados em um zoneamento estratigráfico de 4ª ordem. Esta metodologia de trabalho, integrada em um processo de modelagem geológica 3D, vai ser utilizada para estabelecer a geometria da malha de poços injetores/produtores do intervalo de interesse e pode ser aplicada em outros reservatórios cujo contexto tectônico-deposicional seja semelhante ao observado em Camorim, caso dos campos localizados no Alto de Aracaju, Sub-bacia de Sergipe, que juntos compõem o maior volume de óleo in place na porção terrestre das bacias brasileiras
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/18837
Aparece nas coleções:PPGG - Mestrado em Geodinâmica e Geofísica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FilipeSL_DISSERT.pdf18,42 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.