Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/19354
Título: Avaliação da atividade anti-Helicobacter pylori e citotóxica in vitro de extratos orgânicos obtidos das folhas de Encholirium spectabile e Syzygium cumini
Autor(es): Araujo, Gabriela Medeiros
Palavras-chave: Atividade antimicrobiana;Citotoxicidade in vitro;Encholiriumspectabile;Helicobacter pylori;Óleo essencial;Syzygium cumini
Data do documento: 26-Mar-2014
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: ARAÚJO, Gabriela Medeiros. Avaliação da atividade anti-Helicobacter pylori e citotóxica in vitro de extratos orgânicos obtidos das folhas de Encholirium spectabile e Syzygium cumini. 2014. 78f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Centro de Biociências, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2014.
Resumo: Helicobacter pylori is a spiral, Gram negative, mobile, and microaerophilic bacteria recognized as a major cause of gastritis, ulcer, gastric cancer, and gastric low grade, B cell, mucosa – associated lymphoid tissue (MALT) lymphoma, constituting an important microorganism in medical microbiology. Its importance comes from the difficulty of treatment because the requirement of multiple drugs use, besides the increasing emergence of resistant and multiresistant strains to antibiotics used in th e clinic. In order to expand safe and effective therapeutic options , chemical studies on medicinal plants by obtaining extracts, fractions, isolated compounds or essential oils with some biological activity has been intensified . Given the above, the objective was to evaluate the inhi bitory activity of organic extracts derived from Syzygium cumini and Encholirium spectabile, with antiulcer history, and the essential oil, obtained from S. cumini, against H. pylori (ATCC 43504) by the disk diffusion method, for qualitative evaluation, an d determination of minimum inhibitory concentration (MIC) using the broth microdilution method, for quantitative analysis. Also was evaluated the extracts in vitro toxicity by a hemolytic assay using sheep red blood cells, and VERO and HeLa cells using the MTT assay to analyze cell viability. The extracts of both plant used in antimicrobial assays did not inhibit bacterial growth, however the essential oil of S. cumini (SCFO) proved effective, showing MIC value of 205 μg/mL (0.024 % dilution of the original oil). In the hemolytic assay, the same oil shows moderate toxicity, by promote 25% hemolysis at 1000 μg/mL. Regarding the cytotoxicity in cell culture, the SCFO, at 260 μg/mL, affected the cell viability around 80% of HeLa and 50% of VERO cells. So the oi l obtained from S. cumini leaves has antimicrobial activity against H. pylori and cytotoxicity potential, suggesting a source of new molecule drug candidates, since new stages of toxicity in vitro and in vivo, as well, chemical characterization be evaluate d. Moreover, the development of a prospective drug delivery system can result in a prototype to be used in preclinical tests.
metadata.dc.description.resumo: A Helicobacter pylori é uma bactéria espiralada, Gram negativa, móvel emicroaeróbia reconhecida como uma das principais causas de gastrite, úlcera, câncergástrico e do linfoma de células B de baixo grau de tecido linfoide associado à mucosa(MALT), se constituindo um microrganismo em destaque na área da microbiologiamédica. Sua importância se deve à dificuldade de tratamento, devido à necessidade douso concomitante de vários medicamentos além do crescente surgimento de cepasresistentes e multirresistentes aos antibióticos empregados na clínica. Com o intuito deampliar a gama de opções terapêuticas eficazes e seguras, ultimamente, vem sendointensificados estudos químicos sobre plantas medicinais, seja através da obtenção deextratos, frações, compostos isolados ou óleos essenciais que apresentem algum tipode atividade biológica. Diante do exposto, objetivouseavaliar a atividade inibitória deextratos vegetais oriundos do Syzygium cumini e Encholirium spectabile, plantas comhistórico de ação antiúlceras, e do óleo essencial obtido do S. cumini frente a H. pylori(ATCC 43504) utilizando a técnica de difusão em disco, para avaliação qualitativa, e adeterminação da concentração inibitória mínima (CIM), através da técnica demicrodiluição em caldo, para análise quantitativa. Também foi avaliada a toxicidade invitro dos extratos a partir de ensaio hemolítico, utilizando eritrócitos de carneiro, e emcultura de células HeLa e VERO, pelo ensaio colorimétrico de viabilidade celularutilizando o MTT. Os extratos de ambos vegetais empregados nos ensaiosantimicrobianos não inibiram o crescimento bacteriano, em contrapartida o óleoessencial do S. cumini (SCFO) mostrouseeficaz, exibindo CIM de 205 μg/mL (diluiçãoequivalente a 0,024% do óleo bruto). Quanto ao ensaio hemolítico, o mesmo óleo aindaexibiu toxicidade intermediária ao promover 25% de hemólise a 1000 μg/mL. Em relaçãoà citotoxicidade em cultura de células, o SCFO, a 260 μg/mL, comprometeu a viabilidadecelular de cerca de 80% das células HeLa e 50% das células VERO. Portanto o óleoobtido das folhas do S. cumini apresenta potencial antibacteriano frente a H. pylori epotencial citotóxico, sugerindoseuma fonte de novas moléculas candidatas a fármacos,desde que novas etapas de toxicidade in vitro e in vivo assim como caracterizaçãoquímica sejam avaliadas. Além disso, o desenvolvimento de um sistema de liberação defármacos pode resultar em um protótipo a ser utilizado em testes préclínicos.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/19354
Aparece nas coleções:PPGCB - Mestrado em Ciências Biológicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
GabrielaMedeirosAraujo_DISSERT.pdf6,06 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.