Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/19992
Title: Acolhimento na estratégia saúde da família: o que dizem os usuários?
Authors: Lucena, Ligiana Nascimento de
Keywords: Acolhimento;Saúde da família;Avaliação de serviços de saúde
Issue Date: 29-Aug-2014
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: LUCENA, Ligiana Nascimento de. Acolhimento na estratégia saúde da família: o que dizem os usuários?. 2014. 165f. Dissertação (Mestrado Profissional em Saúde da Família) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2014.
Portuguese Abstract: A Política Nacional de Humanização (PNH), que visa à humanização das relações entre profissionais e usuários, orienta-se pela proposta da clínica ampliada e propõe o acolhimento como um dos dispositivos para sua vivência. O acolhimento requer uma atitude que garanta a escuta qualificada, a oferta de tecnologias adequadas e o estabelecimento de vínculos para melhor resolubilidade dos problemas de saúde dos usuários. Este estudo teve por objetivo avaliar a satisfação dos usuários da Estratégia Saúde da Família (ESF) no tocante ao acolhimento na perspectiva da escuta qualificada e da produção de vínculos, no município de Recife-PE. Trata-se de um estudo quantitativo e qualitativo, avaliativo e transversal. Foram entrevistados 297 usuários, nos seis distritos sanitários do município, que fazem uso dos serviços ofertados pela ESF. Para a coleta dos dados foi utilizada a Escala de Avaliação da Satisfação dos Usuários com os Serviços de Saúde Mental - Satis-BR-forma abreviada, adaptada para o tema do acolhimento. Os dados quantitativos foram analisados com o auxilio dos softwares Statistical Package for Social Science (SPSS) 17.0, calculando-se as frequências absolutas e relativas. Os dados qualitativos foram trabalhados através da análise de conteúdo de Bardin com a elaboração de categorias temáticas. Os resultados apontam que os usuários, em sua grande maioria, estão satisfeitos com o acolhimento ofertado pelas equipes. Em torno de 66% afirmam ser muito ou bastante escutados pelos profissionais; 80,2% referem ter obtido alguma ou muita ajuda quando procuraram o acolhimento; 64,6% apontam que a acolhida é amigável ou muito amigável. Nos quesitos da ambiência, 55,9% dos usuários demonstram indiferença e insatisfação com o aspecto do conforto e aparência; no quesito das instalações gerais do serviço, 69,4% consideram de regular a péssimo. Das falas emergiram três categorias temáticas: satisfação com o acolhimento, insatisfação com a ambiência e sugestões de melhorias no acolhimento e serviço. Esse estudo contribuiu para o entendimento de que a escuta e o vínculo têm presença no acolhimento do município e para demonstrar que a ambiência é uma possível fragilidade na opinião dos usuários.
Abstract: The objective of the National Humanization Policy (NHP) is to humanize relations between professionals and users. It is guided by the proposal of expanded clinic and proposes the embracement as a strategy for its existence. The embracement requires qualified hearing, the provision of adequate technologies and the establishment of relations for better solving health problems of users. The objective of this study was to evaluate user satisfaction of the Family Health Strategy (FHS) regarding the embracement from the perspective of qualified hearing and improved relations in the city of Recife- PE. In this quantitative, qualitative, evaluative and cross-sectional study, 297 users of the services offered by the FHS were interviewed in six health districts of the city. For data collection, the Satisfaction Rating Scale of users with Mental Health Services - Satis-BR- abbreviated and adapted to the subject embracement was used. Quantitative data were analyzed by using the software Statistical Package for Social Science (SPSS) 17.0, calculating the absolute and relative frequencies. Qualitative data were analyzed by content analysis of Bardin with the elaboration of thematic categories. The results indicate that most users are satisfied with the embracement offered by the teams. About 66% reported being very or fairly heard by professionals; 80.2% reported to have obtained some or much help when searched for embracement; 64.6% indicated that the embracement is friendly or very friendly. Regarding ambience, 55.9% of users demonstrated indifference and dissatisfaction with comfort and appearance; regarding general facilities of the service, 69.4% reported as regular to awful. Three thematic categories were revealed by the speeches: satisfaction with embracement, dissatisfaction with the ambience, and suggestions for improvements in embracement and service. This study contributed to the understanding that both the hearing and relations are present in the embracement of the city and also to demonstrate that the ambience is a possible weakness in the opinion of the users.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/19992
Appears in Collections:PPGSFN - Mestrado Profissional em Saúde da Família no Nordeste

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LigianaNascimentoDeLucena_DISSERT.pdf1.5 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.