Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20444
Título: Política orientada ao transporte urbano de baixo carbono: avaliação multicriterial de estratégias para Natal, Brasil
Autor(es): Irber, Fernan Martins Vidal Fernandes
Palavras-chave: Mudanças climáticas;Transporte urbano de baixo carbono;Estratégias de redução de CO2;AHP (Processo de Hierarquização Analítica)
Data do documento: 8-Set-2014
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: IRBER, Fernan Martins Vidal Fernandes. Política orientada ao transporte urbano de baixo carbono: avaliação multicriterial de estratégias para Natal, Brasil. 2014. 178f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2014.
Resumo: The intensification of carbon dioxide emissions in the atmosphere has brought a major concern of the 21st century: climate change. Transportation, the second largest emitter, is a key element in the quest for minimizing the effects caused by global warming. However, the paradigm of sustainable urban mobility is, for urban planners, a challenge: they try to meet the needs of the population in terms of displacement, accessibility and cost, in the same time they seek to reduce the environmental impact of industry. The alternative of researchers in copingthis challenge is to propose strategies for low-carbon transport. Through bibliographic al review, we identified eight strategies most used: Land use Control, Transit Oriented Demand (TOD), Vehicle Tax, Public Transport, Traffic Control, Low Emission Vehicle, Urban Taxes and Eco driving Education. Considering these strategies to minimize emissions of carbon dioxide in urban transport, the present study aimed to identify which, with a smaller negative impact on mobility, are more susceptible deployment in Natal (Brazil). In the study we used an analysis of political, technical experts and researchers, using the Analytic Hierarchy Process (AHP) as a decision support tool. The criteria used in the method of analysis were technical, legal, political, financial and management aspects. Electronic questionnaire was used for data collection and spreadsheet for its processing. Regarding the hierarchy of strategies, main object of this study, respondents gave priority to Public Transport, followed by Control Land Use, Transit Oriented Demand, Traffic Control, Ecodriving Education, Low Emission Vehicle, UrbanTaxes Vehicle Tax. Regarding the aspects considered, the results indicate that the most important decision aspects were political and management ones, the least important ones were the, legal, technical and financial ones.
metadata.dc.description.resumo: A intensificação das emissões de dióxido de carbono na atmosfera trouxe consigo uma das grandes preocupações do século XXI: as mudanças climáticas. O transporte, segundo maior emissor, é um elemento chave na busca pela minimização dos efeitos ocasionados pelo aquecimento global. Entretanto, o paradigma da mobilidade urbana sustentável é, para os planejadores urbanos, um desafio: o de atender aos anseios da população em termos de deslocamento, acessibilidade e custo, ao mesmo tempo em que se procura diminuir o impacto ambiental causado pelo setor. A alternativa dos pesquisadores no enfrentamento desse desafio é a proposição de estratégias de transporte de baixo carbono. Uma revisão bibliográfica do tema identificou oito estratégias mais utilizadas: Controle de Uso do Solo, Transporte Orientado à Demanda (TOD), Tarifação Veicular, Transporte Público, Controle de Tráfego, Veículos de Baixo Carbono, Tarifação Urbana, e Educação Ecoveicular. Considerando tais estratégias de minimização das emissões de gás carbônico no transporte urbano, o presente trabalho teve como objetivo identificar quais delas, com um menor impacto negativo na mobilidade, são mais suscetíveis de implantação na cidade de Natal (Brasil). O trabalho recorreu à análise de políticos, técnicos especialistas e pesquisadores da área, utilizando o Processo de Hierarquização Analítica (Analytic Hierarchy Process - AHP) como ferramenta de apoio à decisão. Os critérios de análise utilizados no método foram aspectos técnico, legal, político, financeiro e de gestão. Foi utilizado questionário eletrônico para a coleta de dados e planilha eletrônica para seu tratamento. Em relação à hierarquização das estratégias, objeto principal deste estudo, os entrevistados deram prioridade ao Transporte Público, seguido de Controle do Uso do Solo, Transporte Orientado à Demanda, Controle de Tráfego, Educação Ecoveicular, Veículos de Baixo Carbono, Tarifação Urbana e Tarifação Veicular. Em relação aos aspectos considerados, os resultados apontam como mais importantes para o processo decisório os aspectos políticos e de gestão, e em menor grau de relevância, os aspectos legais, técnicos e financeiros.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20444
Aparece nas coleções:PPGEP - Mestrado em Engenharia de Produção

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FernanMartinsVidalFernandesIrber_DISSERT.pdf5,8 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.