Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20619
Título: Validação clínica do diagnóstico de enfermagem proteção ineficaz em pacientes submetidos à hemodiálise
Autor(es): Tinôco, Jéssica Dantas de Sá
Palavras-chave: Enfermagem;Diagnóstico de enfermagem;Estudos de validação;Diálise renal;Proteção
Data do documento: 24-Nov-2015
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: TINÔCO, Jéssica Dantas de Sá. Validação clínica do diagnóstico de enfermagem proteção ineficaz em pacientes submetidos à hemodiálise. 2015. 115f. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Resumo: Cross-sectional study of diagnostic accuracy, with purpose the clinical validation of the nursing diagnosis Ineffective Protection in patients undergoing hemodialysis. Two hundred patients undergoing hemodialysis at a clinic in northeastern Brazil were selected by convenience, consecutively, during the months of March and April 2015. In the data collection, we used the medical records and a structured instrument of interview and physical examination. The accuracy of the clinical indicators of diagnosis Ineffective Protection took from the latent class analysis. It was identified the prevalence of diagnosis, the sensitivity and specificity of each clinical indicator investigated and their confidence intervals of 95%. The ethics committee in research approved the study, with sound number 387 837 and Certificate Presentation to Ethics Assessment: 18486413.0.0000.5537. The results indicate a prevalence of 60.5% in the diagnosis Ineffective Protection investigated clientele. Clinical indicators with greater sensitivity to the diagnosis Ineffective Protection were: fatigue, maladaptive response to stress and coagulation alterations. Specific were: fatigue, fever, increase in the number of hospitalizations, weakness, vascular access dysfunction and infected vascular access. It concludes that the studied diagnosis is clinically valid for the clientele in hemodialysis, since the identification of the accuracy of set clinical indicators, by the measures of sensitivity and specificity, allows for the consistent prediction of the same. Noteworthy is the fatigue indicator with better accuracy measures for the occurrence of the investigated diagnosis. In addition, the findings contribute to the clinical nursing practice, assisting in diagnostic inference process and intervention plan precise and directed to the patient's reality in hemodialysis.
metadata.dc.description.resumo: Estudo transversal de acurácia diagnóstica, cujo objetivo foi validar clinicamente o diagnóstico de enfermagem Proteção Ineficaz em pacientes submetidos à hemodiálise. Duzentos pacientes submetidos à hemodiálise em uma clínica no nordeste do Brasil foram selecionados por conveniência, de forma consecutiva, durante os meses de março e abril de 2015. Na coleta de dados, utilizou-se o prontuário e um instrumento estruturado de entrevista e exame físico. A acurácia dos indicadores clínicos do diagnóstico Proteção Ineficaz se deu a partir da análise de classe latente. Foram identificadas a prevalência do diagnóstico, os valores de sensibilidade e especificidade de cada indicador clínico investigado e os respectivos intervalos de confiança de 95%. O estudo foi aprovado pelo comitê de ética em pesquisa, com parecer número 387.837 e Certificado de Apresentação para Apreciação Ética: 18486413.0.0000.5537. Os resultados indicam uma prevalência de 60,5% do diagnóstico Proteção Ineficaz na clientela investigada. Os indicadores clínicos com maior sensibilidade ao diagnóstico Proteção Ineficaz foram: Fadiga, Resposta mal adaptada ao estresse e Alteração na coagulação. Os específicos foram: Fadiga, Febre, Aumento do número de hospitalizações, Fraqueza, Acesso vascular infeccionado e Disfunção do acesso vascular. Conclui-se que o diagnóstico estudado é válido clinicamente para a clientela em hemodiálise, pois a identificação do conjunto de indicadores clínicos acurados, por meio das medidas de sensibilidade e especificidade, permitiu a predição fidedigna do mesmo. Destaca-se o indicador Fadiga com melhores medidas de acurácia para a ocorrência do diagnóstico investigado. Ademais, os achados contribuem para a prática clínica do enfermeiro, auxiliando no processo de inferência diagnóstica e no plano de intervenções preciso e direcionado à realidade do paciente em hemodiálise.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20619
Aparece nas coleções:PPGE - Mestrado em Enfermagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JessicaDantasDeSaTinoco_DISSERT.pdf1,14 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.