Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20702
Título: Trabalho e seus sentidos: estudo com servidores com deficiências numa IES
Autor(es): Paiva, Juliana Cavalcante Marinho
Palavras-chave: Psicologia do trabalho;Pessoas com deficiência;Inclusão social
Data do documento: 7-Nov-2014
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: PAIVA, Juliana Cavalcante Marinho. Trabalho e seus sentidos: estudo com servidores com deficiências numa IES. 2014. 163f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2014.
Resumo: The objective of this study was to understand the relationship between people with disabilities and their labor. Senses and meanings related to work were specifically identified; also describing the impediments of concrete activities, as well the strategies developed for overcoming them. This objective is inspired on the social historic cultural theoretical perspective as well as on the activity's theory. The research has been made possible through the interview of 16 workers from a IES, it categorizes as a multi-method sequential and transversal study of qualitative orientation, making use the technics of narrative interviews and photographic creation. The results indicate that work was described as a necessity, a source of pleasure, recognition and socialization; with emphasis on the importance of working in pairs in order to accomplish good quality work. Senses were obtained from each participant, identified by the way that each of them expressed themselves. Impediments were more deeply related to the physical conditions of the work environment than to the person's disabilities. Conclusion points out that the access to work, acts as a social inclusion tool for peoples with disabilities, and showing that, the laws regarding quota reservations fulfill their objective.
metadata.dc.description.resumo: O objetivo deste estudo foi compreender a relação das pessoas com deficiências e seu trabalho. Especificamente, buscou-se identificar, os sentidos e significados atribuídos ao trabalho; e, descrever os impedimentos da atividade concreta, e as estratégias desenvolvidas para sua superação. Este objetivo é inspirado na perspectiva teórica sócio histórico cultural e nas teorias da atividade. A pesquisa foi realizada com 16 servidores de uma IES, tratando-se de um estudo multi-métodos sequencial, transversal de orientação qualitativa com utilização de entrevista narrativa e criação fotográfica. Os resultados demonstraram que o trabalho tendo sido caracterizado como uma necessidade, fonte de prazer, reconhecimento, socialização e, tendo o papel dos pares enfatizado na realização do bom trabalho. Os sentidos foram próprios de cada participante, e se demonstraram nos conteúdos e modo de falar de cada participante. Os impedimentos estiveram mais no âmbito das condições ambientais da atividade, do que propriamente na condição da deficiência. Conclui-se que o trabalho é um meio de socialização e o acesso a ele possibilita uma importante ferramenta de inclusão social de pessoas com deficiência, e, nesse sentido, as leis de reserva de vaga cumprem seu papel. As pessoas com deficiência não atribuem significados muito distintos de outros grupos populacionais, ressalta-se apenas, que a deficiência traz luz para designar a importância do papel do trabalho na inserção social dessas pessoas.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20702
Aparece nas coleções:PPGPSI - Mestrado em Psicologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JulianaCavalcanteMarinhoPaiva_DISSERT.pdf2,62 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.