Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/22294
Título: Cities of Love: espaços de recordação, esquecimentos, circulação e fabricação de memórias
Autor(es): Viega, Maísa Carvalho de Souza
Palavras-chave: Memória;Mídia;Cinematografia urbana;Cidades do Amor (Cities of Love)
Data do documento: 10-Nov-2016
Citação: VIEGA, Maísa Carvalho de Souza. Cities of Love: espaços de recordação, esquecimentos, circulação e fabricação de memórias. 2016. 171f. Dissertação (Mestrado em Estudos da Mídia) - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Resumo: This work investigates collective films of contemporary fiction as spaces dedicated to remembrance, engendering, circulation and silencing of urban memories. Paris, I Love You (2006), New York, I Love You (2009) and Rio, I Love You (2014) form the empirical object of research and the franchise Cities of Love is responsible for the production of feature analyzed films. The theoretical discussion relied on dialog between memory, media and urban cinematography. Stand out in a condition of theoretical contribution, the written of Almeida (1999), Assmann, A. (2008; 2011), Assmann, J. (2008; 2011), Calvino (2013), Comolli (2008), Costa (2002; 2008a), Erll (2008a; 2008b; 2012), Huyssen (2000), Mongin (2009), Pollak (1992) and Schorske (2000). As for the methodological procedures, is predominantly approach in qualitative and it is use in conjunction of the content analysis of the type of themes and film, based on Aumont and Marie (2013) and Bardin (2011). The objectives achieved are: identification of the cities of Paris, New York and Rio de Janeiro from the narrative, human types, places and events valued by the productions; indication of discourses and images related to the particularities of the human experience in movement in the Cities of Love; and reflection about formation of memories and the operations of remembrance related to the cities by the films and in the films. In conclusion, that the films belonging to the relief cinematic Cities of Love, at the same time that build cities index become fields of dispute of urban memories.
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho investiga filmes coletivos de ficção contemporâneos, pertencentes a franquia cinematográfica Cities of Love, enquanto espaços voltados à recordação, engendramento, circulação e silenciamentos de memórias urbanas. Paris, Je T´aime (2006), New York, I Love You (2009) e Rio, Eu Te Amo (2014) formam o objeto empírico da pesquisa. A discussão teórica apoia-se na interlocução entre memória, mídia e cinematografia urbana. Destacam-se na condição de aporte teórico, os escritos de Almeida (1999), Assmann, A. (2008; 2011), Assmann, J. (2008; 2011), Calvino (2013), Comolli (2008), Costa (2002; 2008a), Erll (2008a; 2008b; 2012), Huyssen (2000), Mongin (2009), Pollak (1992) e Schorske (2000). Quanto aos procedimentos metodológicos, efetua-se abordagem predominantemente qualitativa e faz-se uso conjugado das análises fílmica e de conteúdo, do tipo temática, com base em Aumont e Marie (2013) e Bardin (2011). Dentre os objetivos alcançados, tem-se: a identificação das cidades filmadas de Paris, Nova York e Rio de Janeiro a partir da narrativa, tipos humanos, locais e acontecimentos valorizados pelas produções; a sinalização dos discursos e imagens relativos às particularidades da experiência humana em movimento nas Cidades do Amor; e a reflexão sobre a formação de memórias e as operações de recordação e lembrança concernentes às cidades suscitadas pelos filmes e nos filmes. Conclui-se que os longas-metragens pertencentes à franquia cinematográfica Cities of Love, ao mesmo tempo que edificam cidades filmadas, tornam-se campos de disputa de memórias urbanas.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/22294
Aparece nas coleções:PPGEM - Mestrado em Estudos da Mídia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MaisaCarvalhoDeSouzaViega_DISSERT.pdf5,49 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.