Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23171
Título: Educação profissional no brasil (1960-2010): uma história entre avanços e recuos
Autor(es): Assis, Sandra Maria de
Medeiros Neta, Olivia Morais de
Palavras-chave: História da educação;Educação profissional;Legislação
Data do documento: 2015
Citação: MEDEIROS NETA, Olivia Morais de; ASSIS, Sandra Maria de. Educação profissional no brasil (1960-2010): uma história entre avanços e recuos. Revista Tópicos Educacionais, v. 1, p. 190-212, 2015. Disponível em: <http://www.revista.ufpe.br/topicoseducacionais/index.php/topicoseducacionais/article/view/96/86>. Acesso em: 24 abr. 2017.
Resumo: The objective of this text is to historicize the trajectory of Professional Education (PE) in Brazil between the decades of 1960 and 2010, considering the discussions that guided the conflicts around the laws and decrees that regulated it. For this, we carried out a bibliographical and documental research on PE in the 1960s, with the approval of the Law of Directives and Basis (LDB) No. 4,024/61, and the contested Law No. 5,692/71 and its ramifications in the context of the economic policies of the military governments. The analysis still refers to the disputes surrounding the construction of the Law of Directives and Basis No. 9,394/1996 and the Decree No. 2,208, on April 17, 1997, followed by the Ministerial Ordinance No. 646/97, which radicalized the separation between the propaedeutic high school and professional education; In the end we discussed the revocation of the Decree No. 2,208/97 and the consequent approval of the Decree No. 5,154/2004, which allowed the curricular integration between the high school and the technical education, creating the integrated high school. In these terms, we emphasize that, between the years 1960 and 2010, the Brazilian society underwent major transformations that altered its economic and political structure and resounded in the educational scenario
metadata.dc.description.resumo: O objetivo deste texto é historicizar a trajetória da Educação Profissional (EP) no Brasil entre as décadas de 1960 e 2010 considerando as discussões que nortearam os embates em torno das leis e decretos que a normatizaram. Para tanto realizamos pesquisa bibliográfica e documental acerca da EP na década de 1960 com a aprovação da LDB de nº 4.024/61 e da controvertida Lei nº 5.692/71 e seus desdobramentos no contexto da política econômica dos governos militares. A análise ainda remete às disputas em torno da construção da Lei de Diretrizes e Bases nº 9.394/1996 e o Decreto nº 2.208, em 17 de abril de 1997, seguido da Portaria Ministerial nº 646/97 que radicalizou a separação entre o ensino médio propedêutico e o ensino profissional; por fim discutimos a revogação do Decreto 2.208/97 e a consequente aprovação do Decreto 5.154/2004 que possibilitou a integração curricular entre o ensino médio e o ensino técnico criando o ensino médio integrado. Nesses termos, ressaltamos que, entre os anos de 1960 e 2010, a sociedade brasileira passou por grandes transformações que alteraram a sua estrutura econômica e política e ressoaram no cenário educacional
URI: http://hdl.handle.net/123456789/23171
ISSN: 2448-0215
Aparece nas coleções:CE - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
EducaçãoProfissionalNoBrasil_2015.pdf451,23 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.