Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/27696
Title: O debate na educação de jovens e adultos: dando voz na escola para a vida
Authors: Arruda, Maysa Rodrigues
Keywords: Oralidade;Competência argumentativa;Gênero debate;Sequência didática
Issue Date: 11-Dec-2018
Citation: ARRUDA, Maysa Rodrigues. O debate na educação de jovens e adultos: dando voz na escola para a vida. 2018. 136f. Dissertação (Mestrado Profissional em Letras) - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: Esta pesquisa-ação surgiu da necessidade de se desenvolver a competência argumentativa dos alunos - tão requerida para o exercício da cidadania – e de se ampliar o trabalho com o eixo da oralidade em sala de aula, comumente relegada a um segundo plano. Para tanto, foi utilizada uma sequência didática (DOLZ; NOVERRAZ; SCHNEUWLY, 2013) com o gênero debate numa turma de 4º nível da Educação de Jovens e Adultos, equivalente ao 8º e ao 9º ano. A opção pelo debate deveu-se ao fato de se tratar de um gênero argumentativo oral, atendendo, pois, a essas duas demandas. O processo de desenvolvimento da sequência didática teve início com um primeiro contato dos alunos com exemplares do mesmo gênero e de outros com temas afins ao que seria debatido para, então, chegar-se à produção inicial, a partir da qual foram organizados os módulos didáticos, de forma a se resolverem os problemas discursivos, textuais e linguísticos encontrados. Com isso, buscou-se analisar a eficácia da sequência didática como instrumento capaz de contribuir para a resolução de problemas de linguagem, especificamente no que se refere ao desenvolvimento da competência argumentativa. O estudo se insere, em seus fundamentos básicos, na linha do Interacionismo Sociodiscursivo (BRONCKART, 2012) e apresenta ainda bases teóricas sobre argumentação (PERELMAN; OLBRECHTS-TYTECA, 2017), sobre gêneros textuais, sequência didática e debate do chamado “Grupo de Genebra” (DOLZ; NOVERRAZ; SCHNEUWLY, 2013; DOLZ; SCHNEUWLY; DI PIETRO, 2013); e, especificamente, sobre debate (RIBEIRO, 2009; PEREIRA; SILVA, 2013). Na análise, observou-se a relação entre as representações que os sujeitos debatedores tinham das condições de produção e os argumentos usados nos dois momentos do debate. Os resultados apontaram para uma melhora considerável, entre a produção inicial e a final, no uso dos argumentos, seja pela maior variedade de tipos, seja pela maior capacidade de convencimento. Diante disso, a relevância desta pesquisa residiu no fato de se constituir num material didático de auxílio ao professor de língua portuguesa no ensino com gêneros textuais voltado para a competência argumentativa e para a oralidade.
Abstract: This work was motivated by the need to develop students' argumentative competence, which is so required for the exercise of citizenship, and to expand it to the axis of orality in the classroom, usually relegated into the background. For this purpose, a didactic sequence (DOLZ; NOVERRAZ; SCHNEUWLY, 2013) was used in association with the debate genre in a 4th grade class of Young and Adult Education, equivalent to the 8th and 9th grades. The process of developing the didactic sequence began with a first contact of the students with specimens of the same genre and with others about similar themes related to what would be debated so that the initial production was achieved. From there, didactic modules were organized, in order to solve the discursive, textual and linguistic problems encountered. It was intended to analyze the effectiveness of the didactic sequence as an instrument capable of contributing to the resolution of language problems, specifically in relation to the development of argumentative competence. Considering its basic foundations, this work follows the line of Sociodiscursive Interactionism/ISD (BRONCKART, 2012) and it also presents theoretical bases on argumentation (PERELMAN; OLBRECHTS-TYTECA, 2017), on textual genres, didactic sequence and debate of the called "Group of Geneva" (DOLZ; NOVERRAZ; SCHNEUWLY, 2013; DOLZ; SCHNEUWLY; DI PIETRO, 2013); and specifically on debate (RIBEIRO, 2009; PEREIRA; SILVA, 2013). In the analysis, it was observed the relationship between the representations that the debaters had of the production conditions and the arguments used in the two moments of the debate. The results pointed to a considerable improvement, between the initial and final production, in the use of the arguments, either by the greater variety of types, or by the greater capacity of convincing. Therefore, the relevance of this research is based on the fact that it is a didactic material that assists the Portuguese language teacher in teaching with textual genres focused on argumentative competence and orality.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/27696
Appears in Collections:PROFLETRAS - NATAL - Mestrado Profissional em Letras

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
0000Debateeducaçãojovens_Arruda_2019.pdf17.18 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.