Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14067
Título:  A indústria petrolífera nacional e potiguar: uma análise a partir da tecnologia em E&P
Autor(es): Silva, Adriano Olivier de Freitas e
Palavras-chave: Petróleo;Tecnologia;Competitividade;Inovação;Rio Grande do Norte;Petroleum;Technology;Competitiveness;Innovation;Rio Grande do Norte
Data do documento: 18-Dez-2010
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: SILVA, Adriano Olivier de Freitas e. A indústria petrolífera nacional e potiguar: uma análise a partir da tecnologia em E&P . 2010. 156 f. Dissertação (Mestrado em Economia Regional) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.
metadata.dc.description.resumo: O trabalho analisa a Indústria Petrolífera em três ambientes de atuação, mundial, nacional e estadual, a partir da observação de sete variáveis, a saber: caráter do petróleo; risco; economia de escala; integração; barreiras; tecnologia e ambiente. O estudo busca perceber as interações e os transbordamentos das variáveis selecionadas em cada um dos ambientes citados, em razão os aspectos econômicos e institucionais presentes nesta atividade, cujos resultados atingem diversos setores da economia e da sociedade como um todo e balizam o próprio processo de inovação da mesma. O estudo está alicerçado no arcabouço teórico neoschumpeteriano acerca dos aspectos voltados para concorrência e inovação, além da questão institucional, e se apóia em dados da Agência Nacional do Petróleo (A.N.P.), Ministério de Minas e Energia (MME), Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral / Tribunal Superior Eleitoral (MCCE/TSE), Organization of the Petroleum Exporting Countries (OPEC), International Energy Agency (IAE), Institut Français Pétrole (IFP), United Nations Development Programme (UNDP). Avalia-se que em termos de caracterização da indústria petrolífera nos três ambientes considerados (mundial, nacional e local), há certa similitude no que se refere ao comportamento destas variáveis, com pequenas modificações suscitadas por fatores como grau de desenvolvimento e complexidade da atividade; resultado do ambiente concorrencial e inovativo; e, pelas influências institucionais acerca de atividades e grau de inserção das mesmas no ambiente socioeconômico onde estão localizadas a atividade produtiva e o seu entorno
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14067
Aparece nas coleções:PPGECO - Mestrado em Economia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AdrianoOFS_DISSERT.pdf3,4 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.