Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/19582
Título: A formação da habilidade de explicar no contexto do ensino médio: o que dizem os livros? o que pensam os professores?
Autor(es): Marques, Antônia Batista
Palavras-chave: Habilidade de explicar;Revolução social;Ensino de História;Livros didáticos - Ensino médio
Data do documento: 27-Fev-2014
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: MARQUES, Antônia Batista. A formação da habilidade de explicar no contexto do ensino médio: o que dizem os livros? o que pensam os professores?. 2014. 205f. Tese (Doutorado em Educação) - Centro de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2014.
Resumo: The discussion about explanation in knowledge has been made for decades. Through this course, we present different ways of understanding about what is to explain the history: the primitive ethnographic description, the chronicler, the positivist construction of a historical science and historiography of the second half of twentieth century. Nowadays this discussion needs to be continued both in the general framework of scientific practice as within educational institutions as cognitive - linguistic ability. The focus of our research is by the second approach, which is the explanation as cognitive - linguistic ability. The formation of skills, among them, the explaining one, has been studied by the authors as: (NÚÑEZ 2012; JORBA et al, 2000; SANMARTÍ and IZQUIERDO 2000). This research had as general purpose: to study the processes of formation of the ability to explain social revolution in history classes in high school, by teachers opinion and by content as this theme among history books, in order to support the continuing education of history teachers for high school. Th e qualitative based research used instruments of data collection and analysis protocol for the books prepared for this study, and interviews with teachers. For this, the techniques of content analysis and discourse referenced in Bardin and Orlandi , respec tively were used. At first, the instruments for data collection were developed and validated, while in the second, the data were collected, organized and analyzed. From the answers to the questions of the study results shows that: a) in the analyzed books - do not express the work with the definition of Social Revolution, considering the processes for the formation of this definition, the predominant type of explanation has characteristics of multicausality; proposals for teaching are characterized as eclec tic; b) while teachers speech - it is important the students know the definition of Social Revolution, the ability to explain is more linked to didactic explanation in the classroom than the explanation through epistemological sense. These results indicate that the formation of the ability to explain Social Revolution based in Cultural History approach, are not expressed in the analyzed books, but they can serve as an important resource for this purpose. The discourse of teachers has a potential pointing to the possibility of teaching organization and learning process, based on training or upgrading the explanation skill from the theory of stepwise formation of mental actions and concepts by P.Ya. Galperin. For this purpose, the research constitutes a contri bution to support the continued education of history teachers in high school.
metadata.dc.description.resumo: A discussão sobre explicação no conhecimento vem sendo feita há décadas. Neste percurso, apresentam-se diferentes formas de entendimento sobre o que é explicar a história: a primitiva descrição etnográfica, a cronista, a construção positivista de uma ciência histórica e a historiográfica da segunda metade do século XX. Nos dias atuais, essa discussão precisa ser continuada tanto no marco geral da prática científica quanto no âmbito das instituições escolares como habilidade cognitivo-linguística. O foco da nossa pesquisa está na segunda abordagem. A formação de habilidades, entre elas, a de explicar, vem sendo estudada por autores como: (NÚÑEZ, 2012; JORBA et al, 2000; SANMARTÍ e IZQUIERDO, 2000). Esta pesquisa teve como objetivo geral: estudar os processos da formação da habilidade de explicar Revolução Social nas aulas de História no Ensino Médio, segundo a opinião dos professores e conforme o conteúdo dessa temática nos livros didáticos de História, a fim de subsidiar a formação continuada de professores de História no Ensino Médio. A pesquisa de natureza qualitativa privilegiou como instrumentos de coleta de dados o protocolo para análise dos livros, elaborado para esse estudo, e a entrevista com os professores. Para isso, foram utilizadas as técnicas de análise de conteúdo e do discurso referenciadas, respectivamente, em Bardin e Orlandi. No primeiro momento, os instrumentos para a coleta de dados foram elaborados e validados, enquanto no segundo, os dados foram coletados, organizados e analisados. A partir das respostas às questões de estudo os resultados apontam que: a) quanto aos livros analisados - não expressam o trabalho com a definição do conceito de Revolução Social, considerando os processos para a formação dessa definição; o tipo de explicação predominante tem características da multicausalidade; as propostas para o ensino se caracterizam como ecléticas; b) quanto ao discurso dos professores - é importante os alunos saberem a definição do conceito de Revolução Social; a habilidade de explicar está mais ligada à explicação didática na sala de aula do que à explicação no sentido epistemológico. Estes resultados sinalizam que a formação da habilidade de explicar Revolução Social com base no enfoque Histórico-Cultural, não está expressa nos livros analisados, mas que eles podem servir como importante recurso didático para este fim. O discurso dos professores apresenta um potencial que sinaliza para a possibilidade da organização do processo de ensino e aprendizagem, pautado na formação ou atualização da habilidade de explicar a partir da teoria de formação das ações mentais e dos conceitos de P.Ya. Galperin. Com esse propósito, a pesquisa se constitui numa contribuição para subsidiar a formação continuada de professores de História no Ensino Médio.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/19582
Aparece nas coleções:PPGED - Doutorado em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AntoniaBatistaMarques_TESE.pdf2,17 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.