Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/21632
Título: “Criatividade em campo”: uso da mídia social como ferramenta estratégica de marketing dos destinos sedes da Copa 2014
Autor(es): Goncalves, Marilia Barbosa
Palavras-chave: Marketing;Mídias Sociais;Destinos Turísticos
Data do documento: 20-Dez-2013
Citação: GONCALVES, Marilia Barbosa. “Criatividade em campo”: uso da mídia social como ferramenta estratégica de marketing dos destinos sedes da Copa 2014. 2013. 100f. Dissertação (Mestrado Em Turismo) - Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.
Resumo: A vida nunca mais será a mesma depois do boom das mídias sociais, nem para indivíduos, nem para organizações. Por combinar uma porção de atributos de atratividades aos usuários, logo as mídias sociais se transformaram num instrumento de comunicação poderoso. Disciplinas como o marketing rapidamente incorporaram o uso das mídias como ferramentas de promoção, comunicação e relacionamento com seus públicos. O turismo é um dos setores que se apropriaram dessas mídias. Para grandes organizações empresariais do setor, o uso das mídias sociais já se tornou questão estratégica. Por sua vez, os destinos turísticos parecem responder com menos celeridade, porém a tendência é de que sua participação no composto de marketing das destinações seja predominante frente às mídias convencionais. Os estudos sobre o uso das mídias em turismo estão centrados tanto na perspectiva do consumidor, como é o caso de Fotis (2012), Xiang & Gretzel (2009), como na perspectiva organizacional e de utilização pelos destinos, em que se destacam pesquisadores como Lee (2010), Lange-Faria e Elliot (2012), entre outros. Mas o grande nome neste campo teórico da pesquisa em Tecnologia da Informação e Turismo, sem dúvidas, é o de Buhalis, que vem dando grande ênfase em suas publicações às mídias sociais e turismo. A pesquisa foi baseada num modelo de monitoramento proposto por Hays, Page e Buhalis (2012), que buscou explorar o uso das mídias sociais como ferramenta estratégica de marketing de destinos pelas DMOs dos top 10 países mais visitados por turistas no mundo. Nesta mesma perspectiva e interesse, tem-se como objetivo compreender e estabelecer padrões de uso mais efetivo das mídias sociais como ferramenta de marketing dos destinos turísticos brasileiros, utilizando como mostra as 12 cidades-sedes da Copa 2014. A pesquisa tem caráter exploratório-descritivo, utiliza de fontes bibliográficas e eletrônicas, e segue em sua metodologia uma abordagem quali-quantitativa. A coleta e tabulação dos dados foram realizadas através de instrumento de coleta manual e do software Microsoft Excel, respectivamente. Aplica as técnicas de Avinash Kaushik e do próprio Facebook para medir o nível de engajamento dos usuários. Dentre os principais pontos analisados estão: formas de uso, identidade visual da página e engajamento dos usuários. Por se tratar de pesquisa em ambiente virtual, os sujeitos da pesquisa foram representados pelas 12 cidades-sedes da Copa e suas respectivas fan pages oficiais de turismo ou de prefeituras no Facebook. Os resultados obtidos permitem identificar as principais características das formas de uso das fan pages oficiais dos destinos, além de demonstrar que estas poderiam ser melhor exploradas, a fim de gerar maior audiência e engajamento dos usuários.
metadata.dc.description.resumo: A vida nunca mais será a mesma depois do boom das mídias sociais, nem para indivíduos, nem para organizações. Por combinar uma porção de atributos de atratividades aos usuários, logo as mídias sociais se transformaram num instrumento de comunicação poderoso. Disciplinas como o marketing rapidamente incorporaram o uso das mídias como ferramentas de promoção, comunicação e relacionamento com seus públicos. O turismo é um dos setores que se apropriaram dessas mídias. Para grandes organizações empresariais do setor, o uso das mídias sociais já se tornou questão estratégica. Por sua vez, os destinos turísticos parecem responder com menos celeridade, porém a tendência é de que sua participação no composto de marketing das destinações seja predominante frente às mídias convencionais. Os estudos sobre o uso das mídias em turismo estão centrados tanto na perspectiva do consumidor, como é o caso de Fotis (2012), Xiang & Gretzel (2009), como na perspectiva organizacional e de utilização pelos destinos, em que se destacam pesquisadores como Lee (2010), Lange-Faria e Elliot (2012), entre outros. Mas o grande nome neste campo teórico da pesquisa em Tecnologia da Informação e Turismo, sem dúvidas, é o de Buhalis, que vem dando grande ênfase em suas publicações às mídias sociais e turismo. A pesquisa foi baseada num modelo de monitoramento proposto por Hays, Page e Buhalis (2012), que buscou explorar o uso das mídias sociais como ferramenta estratégica de marketing de destinos pelas DMOs dos top 10 países mais visitados por turistas no mundo. Nesta mesma perspectiva e interesse, tem-se como objetivo compreender e estabelecer padrões de uso mais efetivo das mídias sociais como ferramenta de marketing dos destinos turísticos brasileiros, utilizando como mostra as 12 cidades-sedes da Copa 2014. A pesquisa tem caráter exploratório-descritivo, utiliza de fontes bibliográficas e eletrônicas, e segue em sua metodologia uma abordagem quali-quantitativa. A coleta e tabulação dos dados foram realizadas através de instrumento de coleta manual e do software Microsoft Excel, respectivamente. Aplica as técnicas de Avinash Kaushik e do próprio Facebook para medir o nível de engajamento dos usuários. Dentre os principais pontos analisados estão: formas de uso, identidade visual da página e engajamento dos usuários. Por se tratar de pesquisa em ambiente virtual, os sujeitos da pesquisa foram representados pelas 12 cidades-sedes da Copa e suas respectivas fan pages oficiais de turismo ou de prefeituras no Facebook. Os resultados obtidos permitem identificar as principais características das formas de uso das fan pages oficiais dos destinos, além de demonstrar que estas poderiam ser melhor exploradas, a fim de gerar maior audiência e engajamento dos usuários.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/21632
Aparece nas coleções:PPGT - Mestrado em Turismo

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MariliaBarbosaGoncalves_DISSERT.pdf3,42 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.