Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23811
Título: Ameloblastomas sólidos: estudo retrospectivo clínico e histopatológico em 54 casos
Autor(es): Fulco, Giovana Medeiros
Nonaka, Cassiano Francisco Weege
Souza, Lélia Batista de
Miguel, Márcia Cristina da Costa
Pinto, Leão Pereira
Palavras-chave: Ameloblastoma;Mandible;Maxilla;Odontogenic tumors
Data do documento: 2010
Citação: NONAKA, Cassiano Francisco Weege et al. Solid ameloblastomas - retrospective clinical and histopathologic study of 54 cases. Brazilian Journal of Otorhinolaryngology, v. 76, n. 2, p. 172-177, 2010.
metadata.dc.description.resumo: Recentemente, a Organização Mundial da Saúde (OMS) excluiu o padrão desmoplásico do espectro histopatológico do ameloblastomas sólidos e o enquadrou como uma variante distinta, designada ameloblastoma desmoplásico. Objetivo: Analisar os achados clínico-patológicos em uma série de casos de ameloblastomas sólidos. Forma de Estudo: Estudo de corte transversal. Material e método: Dados sobre idade, sexo, localização e características clínicas foram obtidos em fichas de biópsia. Cortes histológicos foram avaliados quanto aos padrões histológicos existentes e o padrão histológico predominante. Os casos foram classificados com base no estudo de Waldron e El-Mofty (1987) e na classificação da OMS de 2005. Resultados: Foram identificados 54 casos, com distribuição similar entre os sexos e média de idade de 38,3 anos. Cinquenta e três casos (98,1%) afetaram a mandíbula. Quarenta e nove casos (90,8%) foram classificados como ameloblastomas sólidos, 3 (5,6%) como ameloblastomas desmoplásicos e 2 (3,7%) como lesões híbridas. Os padrões histológicos folicular (77,6%), acantomatoso (69,4%) e plexiforme (65,3%) foram os mais frequentes nas lesões sólidas. Áreas focais de ameloblastoma desmoplásico foram identificadas em 11 ameloblastomas sólidos (22,4%). Conclusão: Embora enquadrado como uma variante distinta, nossos resultados revelam que áreas focais de ameloblastoma desmoplásico podem ser identificadas com relativa frequência em ameloblastomas convencionais.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23811
Aparece nas coleções:CCS - DOD - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Ameloblastomas sólidos_2010.pdfhttp://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-869420100002000051,3 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.